Voucher significado: o que é e como economizar com o cupom

Voucher significado: o que é e como economizar com o cupom

Por: Roberta

Voucher significado é uma pergunta bastante recorrente nos campos de pesquisa da internet.

Anúncios

Isso porque, muitos recebem um papelzinho escrito “voucher”, e não fazem ideia de como utilizá-lo.

Afinal de contas, o que é voucher? Para quê serve? Vale a pena usar? Como descontar numa compra?

voucher significado

Se você faz parte do grupo que tem alguma (ou até mesmo todas) dessas dúvidas, então certamente chegou ao conteúdo certo.

Dito isso, para aprender tudo sobre voucher, não perca tempo e continue a sua leitura! 

Voucher significado: o que é?

Quando falamos em voucher significado, precisamos entender que essa pesquisa existe porque o nome não é tão sugestivo.

Em geral, o voucher é recebido em casos de bonificação ou reembolso, mas, o que esse nome significa?

A primeira coisa que precisamos entender é que o voucher é o nome oficial do famoso “vale-compras”.

Sendo assim, este nada mais é do que um “papel” que informa o seu direito de adquirir determinado valor em produtos ou serviços de uma marca ou empresa.

É por esse motivo que o voucher é tão utilizado como método para pagamento de bonificações.

Isso porque, se a ideia é garantir que o beneficiado gaste em determinado lugar e/ou serviço, o voucher garante isso.

Vale dizer que um voucher costuma ser pessoal e intransferível.

Isso significa que o valor ou prêmio que consta no papel é destinado exclusivamente ao titular, e só pode ser utilizado na empresa emissora do voucher.

Então, dar um voucher a alguém é como entregar um cartão-presente ou vale-compras, que permite ao titular gastar como quiser nos produtos e serviços da empresa.

Vale dizer que os vouchers costumam ter regras e datas de validade, por isso, é importante ficar de olho.

Tipos de voucher existentes 

A esta altura, a pesquisa Voucher Significado já se tornou coisa do passado.

Isso porque, no tópico anterior, te explicamos em detalhes o que é um voucher.

Com isso, ficou claro que este é apenas um nome oficial dado ao famoso vale-compras.

Mas, você certamente já reparou que os vouchers são oferecidos em ocasiões distintas.

Ora estes são dados como presente ou bonificado, ora são oferecidos como método de reembolso e em alguns casos servem apenas para concessão de porcentagens de desconto.

Afinal de contas, quais são os tipos de voucher existentes? 

Veremos a seguir! 

Voucher como método de reembolso 

O voucher como método de reembolso talvez seja o tipo mais utilizado pelas empresas.

Isso porque, nessa modalidade, o voucher costuma ser oferecido após o cancelamento de uma compra na empresa.

Desse modo, ao receber o voucher o cliente tem a oportunidade de gastar o valor devolvido em outros produtos ou serviços da mesma empresa.

Essa é uma estratégia para garantir que o valor da venda permaneça na empresa.

Isso porque, caso o reembolso seja feito em dinheiro, o cliente pode gastar em outro lugar.

Já com o voucher, o valor só pode ser gasto naquela empresa.

Vale dizer que o voucher como método de reembolso só costuma ser aplicado caso o cliente concorde.

Além disso, existe prazo para utilizá-lo, que é definido pela empresa.

Voucher como premiação 

Você certamente já viu inúmeros casos em que o colaborador recebe algum prêmio da empresa em que trabalha.

Ingressos para o cinema, um smartphone novo, e até mesmo viagem com tudo pago costumam ser prêmios oferecidos a funcionários aplicados.

E, o voucher como premiação costuma ser usado para o pagamento desses prêmios.

Isso porque, ao dar o voucher ao funcionário a empresa consegue que esse valor não seja registrado como pagamento, e assim permaneça como prêmio integral.

Além disso, para prêmios mais específicos, o voucher acaba sendo a melhor alternativa, visto que possibilita uma troca direta.

Para usar o voucher de premiação basta apresentá-lo à empresa que realiza a entrega do prêmio.

Assim, o voucher é trocado pelo prêmio, que pode ser um produto, experiência ou até mesmo valores em dinheiro.

Voucher de desconto 

O voucher de desconto é também um tipo bastante comum, e costuma ser o mais impessoal de todos.

Isso porque, o voucher de desconto não costuma ter um titular, de modo que é entregue aos clientes antes ou após uma compra.

A ideia desse voucher é fornecer descontos ao cliente, que o convençam a fazer novas compras.

Desse modo, quando é entregue antes da compra, a ideia é favorecer a venda.

Já quando é entregue após a compra, o intuito é convencer o cliente a voltar em busca do desconto.

Esses descontos costumam ser relacionados a uma porcentagem e solicitam gasto mínimo.

Desse modo, em geral esses vouchers se apresentam da seguinte maneira: “30% de desconto para compras acima de R$ 300. *Limitado a R$ 150,00 de desconto por compra”.

De todo modo, o voucher de desconto é bem interessante para quem gosta de economizar nas compras do dia a dia.

Vale a pena aceitar como reembolso?

Depois de entender tudo sobre Voucher Significado e os tipos existentes, é comum surgir dúvidas sobre o voucher de reembolso.

Isso porque, muitos se questionam se vale a pena aderir a esse método após o cancelamento de uma compra.

A primeira coisa que precisamos entender é que ao aceitar o voucher você está limitado a gastar o seu valor na mesma empresa.

Isso porque, como já mencionamos, o voucher é intransferível, e funciona como um vale-compras da empresa.

Sendo assim, determinar se vale ou não a pena aceitar esse método depende da sua experiência.

Por isso, você deve se questionar sobre o motivo do cancelamento da compra.

Caso tenha sido por tamanho, cor ou modelo errado, o voucher pode te ajudar, já que te permite trocar por outro produto da empresa.

Já se a solicitação de cancelamento foi por uma experiência negativa com o atendimento ou qualidade do serviço ou produto, o voucher não é tão interessante.

Afinal de contas, por que você gastaria com uma empresa da qual não gostou do serviço ou da qualidade dos produtos? 

Então, avalie muito bem a sua situação, e considere que o voucher como reembolso só vale a pena caso você ainda deseje manter relação com a empresa em questão.

Como usar o recurso?

Por fim, falta falarmos apenas sobre o método de uso do voucher.

Isso porque, ao receber o papelzinho do voucher, muitos têm dúvidas de como utilizá-lo.

Vale dizer que as especificações para uso costumam vir impressas no próprio voucher.

Desse modo, informações como data de vencimento, produto ou serviço a ser trocado, valor e muito mais são descritas no próprio papel.

Por isso, basta seguir as especificações descritas para saber como utilizar seu recurso.

Mas, quanto ao uso na prática, este não costuma ser complicado, bastando apresentar o voucher no caixa da empresa.

Caso seja voucher de desconto, basta apresentá-lo na finalização da compra, e o voucher será descontado do valor total.

Já para troca de voucher por produtos, basta apresentá-lo no caixa e indicar por qual produto deseja trocar.

Vale dizer que se o produto ou serviço for de valor superior, você precisará pagar a diferença.

Já se o valor for inferior, será descontado do voucher, e um outro voucher com o valor restante será emitido.

De modo geral, este é um recurso bem simples de usar, o que oferece praticidade.

Então, agora que sabe tudo sobre voucher significado, seus tipos e como usar, aproveite para usar o seu de forma simples e prática!