Publicidade

Empréstimo para negativados e autônomos, aonde conseguir ?

empréstimos
remove_red_eye 73
date_range 08/07/2019
chat_bubble 0


É inevitável não pensar na crise nos últimos anos, quando falamos na necessidade de pegar empréstimo. Sim, a instabilidade da inflação e o aumento de preço em diferentes setores do mercado,tem levado muitas pessoas ao endividamento e por consequência a procura por empréstimo pessoal, mesmo com juros altos, as pessoas estão sem direção específica quando falamos em empréstimo.

É muito fácil encontrar alguém com problemas financeiros em qualquer lugar do país. Seja eles uma dívida ou atraso no pagamento do cartão de crédito, conta de luz, de água, escola das crianças, IPVA, IPTU e muitos outros casos que nem merecem ser mencionados aqui.

Veja bem: no Brasil, ficar com o nome sujo, ou seja, negativado é algo que acontece em todas as regiões e aumentou nos últimos anos.

Segundo um estudo de pesquisa do consumidor, em 2014, 37 milhões de brasileiros e brasileiras estavam inadimplentes. O estudo considerou dívidas atrasadas há mais de 3 meses com valores acima de 300 reais. Mesmo assim, os números assustam: no ano, isso representou 25,5% da população total.

Em 2016, segundo dados do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), mais de 65,3 milhões de brasileiros estavam inadimplentes com dividas gigantescas. Ou seja, mais de 39% da população adulta do Brasil encontrava-se na lista de inadimplente.

Opções de empréstimo para negativados

Pensando nisso, hoje queremos apresentar algumas opções diferentes para vocês.

O Empréstimo Consignado aposentados, servidores públicos ou servidores estaduais, municipais, etc… É o tipo de empréstimo que se você tiver nome negativado não tem problema, você provavelmente irá conseguir, claro, se você tiver margem para isso. 

O empréstimo para beneficiários do INSS funciona muito parecido com o crédito para servidores públicos:

A grande  diferença é que em vez do salário, será usado o benefício do INSS como garantia do pagamento. Da aposentadoria ou pensão é descontado o valor das parcelas. O prazo de pagamento neste caso será de 72 meses no máximo. A taxa de juros varia em função de qual for a instituição parceira fornecedora, e pode ficar na casa dos 2% a 3% ao mês

Crédito Pessoal como conseguir: entenda que  no crédito pessoal, o dinheiro não é descontado de sua renda. você pode solicitar este empréstimo mesmo sendo autônomo, uma vez que não é necessário ter comprovante de renda.

Olha só pessoal, na verdade, as operadoras podem  solicitar algum documento ou papel que comprove renda, mas não necessariamente tem que ser uma folha de pagamento. Você pode mostrar extratos bancários, pode apresentar o Decore, ou o imposto de renda. Todas essas são maneiras de você provar que poderá pagar a dívida, que não se tornará inadimplente. Veja alguns itens que explicam de forma concisa o funcionamento do crédito:

  • É um crédito para quem precisa de quantidades pequenas, com limite de até R$ 6000.
  • As taxas de juros são um pouco mais altas do que no crédito consignado, com valores que variam de 3% a 10% ao mês, aproximadamente.
  • O valor exato dos juros dependerá do risco que você apresentar
  • O prazo será de até 18 meses para pagar.
  • O dinheiro é liberado em até 24 horas após a aprovação.
  • Devido a que não há garantia de salário, você deve ter nome limpo.
  • Você pode pagar com o boleto.

Duvidas? Deixe seu comentário. Leia também:

Empréstimo com baixo juros 

Posts relacionados

Os comentários estão desativados.